O que é o modelo de negócios?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

modelo de negócios

Para garantir o sucesso do seu empreendimento, um passo importante é a elaboração do modelo de negócios. E não pense que pelo fato de o seu negócio ser pequeno o modelo se torna desnecessário.

Não importa o tamanho do investimento, pois o pequeno, como qualquer outro empreendedor, busca o sucesso e, para isso, é importante planejar antes de executar.

E para que você consiga se organizar, continue lendo nosso post sobre o modelo de negócios.

O que é o modelo de negócios?

O modelo é uma etapa do processo anterior ao plano e consiste na explicação de como sua atividade será desenvolvida, de como ela funciona e de como cria valor.

É, portanto, um resumo do modelo de receita, ou seja, da atividade principal, e dos processos de negócios desenvolvidos para atingir o objetivo, que é permitir à empresa conquistar mercado e render lucro.

Para isso, ele deve ser discutido em equipe e nele deverá ser descrito tudo o que é importante para o negócio, a fim de estruturá-lo.

Quais as áreas do modelo de negócios?

Como dito anteriormente, o modelo de negócios consiste em uma estruturação prévia de seu funcionamento e, para isso, deve ser descrito tudo o que é relevante para o seu bom funcionamento.

Nesse sentido, no modelo devem ser descritas 9 áreas para a concretização do negócio. São elas:

  1. Segmento de clientes: é o seu público-alvo. Aqui você deve definir se pretende vender apenas para mulheres, qual a faixa etária, as necessidades e as características de seu público.
  2. Oferta de valor: como o seu negócio se distingue de outros do mesmo ramo, como se diferenciar perante seu público.
  3. Canais de distribuição: como sua empresa entrará em contato com o segmento de clientes. Será por propaganda boca a boca, cartões, panfletagens?
  4. Relacionamento: como você pretende interagir com o seu público.
  5. Fontes de receita: como seu negócio vai gerar receita, será apenas revendendo lingerie.
  6. Recursos-chave: principais recursos de que a empresa precisa para funcionar, como recursos humanos e materiais. Por exemplo, você pode precisar de um celular para entrar em contato e divulgar o produto para as clientes ou marcar horários de visita.
  7. Atividades-chave: ações primordiais para o funcionamento da empresa, como a compra de lingeries de acordo com o segmento de clientes escolhido.
  8. Parcerias: outro público ou pessoas de interesse que possam facilitar ou ajudar no funcionamento da empresa.
  9. Estrutura de custos: devem ser descritos os custos do empreendimento para viabilizar a concretização do modelo de negócios.

Como fazer o modelo de negócios?

Um dos objetivos do modelo é visualizar o problema do cliente e a solução oferecida por seu produto. Através do modelo e desta visualização, você chegará às forças e às fraquezas de seu negócio.

Primeiro, escreva em um papel todas as suas ideias para as áreas descritas no item anterior.

Depois, projete suas receitas. Mesmo tendo incertezas sobre a operacionalização do negócio, você deve estimar as vendas, contabilizando os preços pensados para os produtos e o volume esperado de vendas.

Feita uma previsão de receitas, é hora de estruturar os custos. É preciso incluir os custos com a compra de lingeries, eventuais custos com marketing, com deslocamento e outros itens que julgar necessários.

Por fim, você conseguirá visualizar os indicadores essenciais do seu modelo de negócios, como rentabilidade anual, custos e receitas.

O modelo, portanto, é simples, mas de suma importância para você ter controle do seu negócio.

Gostou do post? Então faça agora mesmo o download do nosso ebook com as 5 técnicas para vender mais e garanta o sucesso do seu empreendimento!

modelo de negócios

 

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×